Uma operação policial que tinha como objetivo combater crimes contra animais flagrou uma rinha de galos em plena atividade na zona rural de Poço Fundo, na manhã deste domingo (15). Cerca de cinquenta aves foram apreendidas e pelo menos 30 pessoas qualificadas por estarem no espaço de jogo ilegal.

O local onde foi desencadeada a ação, um sítio na “Saída da Assunção” (bem perto da zona urbana), era investigado pela Delegacia de Poço Fundo. A Polícia Ambiental enviou equipes de Alfenas, Poços de Caldas e Guaxupé para os trabalhos, com policiais civis e militares que atuam no município.

Os galos apreendidos deverão passar por uma avaliação de veterinário e depois, provavelmente, deixados aos cuidados de um fiel depositário. Os envolvidos deverão responder a processo perante o Juízo da Comarca de Poço Fundo por crime contra a fauna.

Continuamos acompanhando o caso e em breve repassaremos mais detalhes.