PREFEITURA NOTIFICOU EMPRESA RESPONSÁVEL PELOS TRABALHOS, E AGORA AGUARDA PROVIDÊNCIAS

É um sufoco anunciado. Basta que a chuva caia para que parte da estrada do Pinhalzinho fique simplesmente intransitável e, claro, usuários comecem a reclamar, principalmente nas redes sociais, direcionando diversos pedidos de providências à Prefeitura.

O problema é causado por obras em loteamentos, que já foram notificados pela Administração Municipal, mas, até o momento, não tomaram nenhuma providência para evitar os transtornos. Nos comunicados, assinados pelo prefeito Renato Oliveira e pelo Secretário de Obras Wladimir Corrêa na quarta-feira (28) e entregues na quinta (1), ordena-se à empresa responsável pelos trabalhos que construa barreiras de contenção, com o objetivo de evitar a descida de terra para a estrada, e também para que retire todo o barro que já foi depositado pelas águas de chuvas na via (veja fac-símiles abaixo). No entanto, antes que qualquer providência fosse tomada, uma forte tormenta, que caiu na tarde desta quinta-feira (1), causou novos transtornos. A empresa teve que prestar socorro a motoristas, que literalmente ficaram presos no barro após a tempestade.

A Secretaria de Obras informa que aguarda o atendimento das notificações e continuará a cobrar providências, mesmo que para isso seja necessário se valer de todos os instrumentos jurídicos necessários e disponíveis.