JOVEM ACUSADO DE ROUBO, FURTOS E RECEPTAÇÃO É PRESO

A Policia Civil encerrou, na manhã desta quarta-feira (27), o conjunto de ações da Operação bairro Gonçalves, que visava, dentre outros objetivos, gerar mais sensação de segurança neste que é um dos bairros mais conhecidos de Poço Fundo. Um jovem acusado de furtos, pelo menos um roubo e diversas receptações foi preso em cumprimento de Mandado.

O inicio dos trabalhos se deu no último dia 15 (sexta-feira), quando foram cumpridos mandados de busca e apreensão e um de prisão na comunidade. Naquela ocasião, foram encontrados diversos objetos furtados na casa de Leonardo Antonio Domingos Jesus das Neves, de 22 anos (foto abaixo). Ele chegou a ser levado à Delegacia, mas como não estava em situação de flagrante, acabou liberado. No entanto, diante das evidências de participação em furtos, pelo menos um roubo e as receptações, o delegado Éder Neves pediu a prisão preventiva do jovem, que foi expedida pelo Juizado de Plantão e cumprida nesta quarta-feira.

O rapaz foi comunicado de sua detenção na sede da Policia Civil poço-fundense, onde havia se apresentado para prestar depoimento. À nossa reportagem, confessou que tinha, sim, em sua casa, materiais furtados naquela região, e admitiu envolvimento em furtos anteriores aos ocorridos recentemente na comunidade. No entanto, há indícios de que ele tenha envolvimento nos crimes e também em um roubo, no qual teria sido reconhecido pela vítima.

Novas buscas foram feitas em locais comuns à convivência do detido, apenas com o intuito de averiguar se havia mais produtos oriundos de crime escondidos, como o realizado em um bar, utilizado como casa recentemente pelo rapaz. No entanto, nada de ilícito foi encontrado.

Para o delegado, o encerramento destes trabalhos é uma resposta à sociedade, que esperava um fim nos crimes cometidos no bairro Gonçalves e precisa entender que tudo só pode ser feito dentro da legalidade. “Houve o pedido de providências, houve a investigação, descobrimos o envolvimento de Leonardo e o detivemos. Mas, temos que seguir a Lei, e como ele não estava em situação de flagrante, foi solto. Por isso, continuamos nosso trabalho investigativo, não deixamos cair no esquecimento, agimos rápido e solicitamos, com base em tudo que fora apurado, a sua prisão, cumprida hoje. A comunidade precisa saber que é assim que a Policia Civil trabalha, em silêncio, primando pelos princípios legais e pela eficiência”, disse.

Leonardo foi encaminhado ao Presídio de Machado, onde fica á disposição da Justiça e aguardando o resultado dos inquéritos que apuram sua conduta criminosa.