Aconteceu, na manhã desta terça-feira (26), em um barracão da avenida João Gonçalves de Lima, o Leilão de veículos apreendidos pelo Detran-MG em Poço Fundo. Foram 89 lotes com automóveis e motos (recuperáveis e sucatas). Em princípio, eram 91 oportunidades de lances, mas dois lotes foram retirados do certame por conta de inconformidades apuradas durante os levantamentos da documentação.

O evento foi presidido pela leiloeira Eugênia Valkiria Assumpção, e contou com a presença do delegado Eder Neves e toda a equipe da Delegacia de Poço Fundo, e de outras autoridades, como por exemplo o prefeito Renato Oliveira.Os veículos leiloados estavam apreendidos e recolhidos ao pátio credenciado já há um bom tempo. Todos estavam devidamente discriminados, avaliados e com as condições apontadas (sucata ou recuperável). Pessoas jurídicas podiam dar lances em qualquer um dos casos, mas pessoas físicas somente poderiam arrematar veículos conservados.

O veículo considerado conservado é aquele que se encontra em condição de segurança para trafegar, desde que o arrematante tome todas as providências necessárias, no prazo e forma exigidos pelo Código de Trânsito Brasileiro e resolução elencada no preâmbulo do Edital de Leilão, para colocá-lo novamente em circulação.

O veículo considerado sucata é aquele que se encontra impossibilitado de voltar a circular ou cuja autenticidade de identificação ou legitimidade da propriedade não restar demonstrada, não tendo direito à documentação. Sucatas aproveitáveis são aquelas cujas peças poderão ser reaproveitadas em outro veículo, com inutilização de placas e chassi, e sucatas aproveitáveis, mas com motor inservível, são aquelas cujas peças poderão ser reaproveitadas em outro veículo, com exceção da parte do motor que conste sua numeração, devendo ser inutilizadas as placas e chassi. Por isso, apenas empresas do ramo poderiam adquirí-las.

O leilão foi rápido, com grande participação e muitos lances. Por isso mesmo, foi considerado um grande sucesso pelo delegado Eder Neves. “São vários os benefícios advindos de um leilão. Um deles é que o pátio credenciado fica mais limpo, evitando, por exemplo, elementos que gerem focos da dengue. Agora, cada um dos que arremataram os lotes têm três dias para apresentar o pagamento e em pelo menos 30 dias todos os procedimentos para a liberação estarão concluídos”, disse.